Página Inicial
 Nutrientes
  Macronutrientes
   Carboidratos
   Proteínas
   Gorduras
   Fibras [+]
  Micronutrientes
  Vitaminas
   Vitamina A
   Vitamina D
   Vitamina E [+]
  Minerais
   Cálcio
   Sódio [+]
 Mais conteúdos [+]

 Área dos Professores
 Guia Nutricional
 Alimentação Saudável
 Dicas Nutricionais
 Test Drive de Produtos
 Expectativa de Vida
 Teste Nutricional
 Teste Yin Yang
 Cálculos On-line
  Peso Ideal
  IMC
  Atividades Físicas
  Calorias Homens
  Calorias Mulheres
 Artigos
 Tabela de Calorias
 Nutrição e Patologias

 Jogos On-line
 Exercícios Resolvidos
 Provas de Concursos

 Laifis de Nutrição
 Curiosidades
 Mito ou Verdade?
 Receitas
 Dicionário de Nutrição
 Notícias
 Profissão Nutricionista
 Downloads
 Fale Conosco

 
Busca Geral

 

Vitaminas e deficiÍncias

VITAMINA B1
Auxilia na digestão, principalmente de carboidratos. Melhora a atividade mental. Mantém normal o funcionamento do sistema nervoso, dos músculos e do coração.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA B1
Irritabilidade;
Ansiedade;
Nervosismo;
Indigestão;
Câimbra noturna nas pernas e pés;
Agitação;
Diminuição da memória;
Fraqueza muscular;
Insônia;
Dificuldade de aprendizado.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA B1
Alimentação inadequada

Fontes: levedura, cereais integrais, germe de trigo, vegetais e frango.

VITAMINA B12
É responsável pela formação e regeneração das células vermelhas do sangue. Mantém o sistema nervoso saudável. Participa da síntese de proteínas.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA B12
Formigamento nas mãos e nos pés;
Fraqueza muscular;
Irritabilidade;
Depressão;
Perda de memória;
Demência;
Psicose;
Anemia;
Paranóias;
Constipação (prisão de ventre).

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA B12
Alimentação inadequada;
Vegetarianos.

Fontes: fígado, ostra, salmão, queijo, frutas, peixes e vegetais verde-escuros.

 

VITAMINA B2
Está envolvida em muitas ações do corpo, principalmente disponibilizando a energia dos alimentos e restaurando tecidos.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA B2
Alcoolismo;
Colesterol alto;
Pele seca com descamação;
Queimação na planta dos pés;
Lábios secos com rachaduras;
Rachaduras na língua;
Dores generalizadas.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA B2
Alimentação inadequada.

Fontes: germe de trigo, iogurte, cereais integrais, peixes, siri, semente de abóbora.

 

VITAMINA B3
Sua deficiência no organismo pode provocar a doença Pelagra (diarreia, demência e dermatite). Esta vitamina ajuda a diminuir o colesterol e os triglicerídios, sendo também usada no controle da esquizofrenia. Melhora a pressão e vertigens. É essencial para a pele saudável e participa da síntese de proteínas.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA B3
Irritabilidade;
Ansiedade;
Instabilidade emocional;
Diminuição do interesse e prazer sexual;
Impotência;
Confusão mental;
Insônia;
Fadiga/Cansaço;
Dor de cabeça;
Mau hálito;
Formigamento de mãos e pés;
Constipação (prisão de ventre).

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA B3
Alimentação inadequada.

Fontes: fígado, carnes magras, peixes oleosos, vegetais verde-escuros, alcachofra, batata, aspargo, cogumelo e ervilhas.

 

 

VITAMINA B5
É essencial para o metabolismo celular. Está envolvida na liberação de energia do carboidrato, na degradação e metabolismo de ácidos graxos, na síntese do colesterol, fosfolipídios e hormônios esteroides.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA B5
Doenças neurológicas;
Sonolência;
Dor de cabeça;
Câimbra;
Irritabilidade;
Nervosismo;
Flatulência (gases).

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA B5
Alimentação inadequada.

Fontes: gema de ovo, rim, brócolis, fígado e leveduras.

ÁCIDO FÓLICO
É importante para a produção de DNA/RNA e possui ação analgésica. Protege contra parasitas e verminoses. É essencial para formação de glóbulos vermelhos do sangue.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE ÁCIDO FÓLICO
Apatia;
Fadiga;
Cansaço;
Diminuição da memória;
Fraqueza muscular, dores nas pernas;
Aftas;
Indigestão;
Dor de cabeça.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE ÁCIDO FÓLICO
Alimentação inadequada;
Alimentação pouco colorida.

Fontes: arroz, soja, aspargos, brócolis, amêndoas, aveia, abacate e cogumelos.
           
VITAMINA C
Combate os radicais livres (substâncias que atacam as células e as oxidam), aumenta a imunidade do organismo, além de controlar doenças cardiovasculares. É importante para a síntese de colágeno (prevenindo o envelhecimento precoce).

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE VITAMINA C
Irritabilidade;
Dificuldade de cicatrização;
Agitação;
Cabelos secos e quebradiços;
Acne;
Envelhecimento precoce;
Anemia.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA C
Alimentação inadequada.

Fontes: acerola, brócolis, batata, maçã, manga, rabanete, melão, tomate, laranja, limão, bergamota, amora, cereja, damasco, kiwi e morango.

COLINA
Auxilia na perda de memória e estimula o raciocínio. Ajuda a eliminar venenos e medicamentos do organismo, melhorando a atividade do fígado (desintoxicação). Auxilia no tratamento do Mal de Alzheimer.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE COLINA
Cirrose;
Degeneração adiposa do fígado;
Doenças neurológicas;
Falta de concentração;
Atraso no crescimento.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE VITAMINA COLINA
Alimentação inadequada.

Fontes: feijão, lima, melão, bergamota, uva, repolho e amendoim.
                           
INOSITOL
É um composto orgânico do grupo de vitaminas do Complexo B. Está ligado também ao metabolismo das gorduras, no transporte de cátions por meio da membrana celular e no metabolismo das mitocôndrias.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE INOSITOL
Agitação;
Colesterol alto;
Queda de cabelo;
Constipação (prisão de ventre);
Gordura localizada.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE INOSITOL
Alimentação inadequada.

Fontes: fígado, carne, grãos inteiros, vegetais, feijão, repolho, amendoim e uva.

BIOTINA
Regula metabolismo dos ácidos graxos (gorduras) e participa na síntese das proteínas, carboidratos e gorduras. Alivia dores e a dermatite.

CONDIÇÕES ASSOCIADAS À BAIXA TAXA DE BIOTINA
Retenção de água;
Inchaço;
Queda de cabelo;
Enjôo;
Vômito;
Coceira nos olhos;
Fraqueza muscular;
Cansaço.

FATORES QUE CONTRIBUEM PARA A BAIXA TAXA DE BIOTINA
Alimentação inadequada.

Fontes: nozes, castanhas, amêndoas, frutas, arroz integral e levedo de cerveja.

 

Curta nossa página nas redes sociais!

 

 

Mais produtos

 

Sobre nós | Política de privacidade | Contrato do Usuário | Anuncie | Fale conosco

Copyright © 2014 Só Nutrição. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Grupo Virtuous.