Você está em Artigos

Dieta para bronquite

A bronquite aguda é caracterizada pela tosse profunda (molhada ou seca) que surge e permanece depois de uma infecção, como resfriado, sinusite ou gripe.

Já a bronquite crônica desenvolve-se devido à presença contínua de substâncias irritantes, geralmente fumaça de cigarro, alergias ambientais, umidade e até mesmo alergias alimentares.

Sintomas

Bronquite aguda:
- Tosse que pode começar seca, mas que passa a ser profunda e produtiva, com muco grosso, claro ou amarelo;
- Geralmente vem depois da infecção viral.

Bronquite crônica:
- Surtos longos de bronquite aguda, que retornam frequentemente;
- Tosse persistente e constante, que piora quando a pessoa caminha;
- Falta de ar;
- Chiado.

Dicas alimentares

Para secreções finas de muco, beba um copo de água a cada 2 horas. A canja de galinha ajuda a afinar o muco.

Acrescente alho ou gengibre para sustentar o sistema imunológico. Para reduzir catarro, tome sopa quente de cevada. A cebola é um remédio caseiro com propriedades anti-inflamatórias, portanto, não deixe faltar na sua alimentação.

Se sofrer de bronquite bacteriana e estiver tomando antibióticos, consuma alimentos azedos sem leite, como: quefir ou chucrute (diariamente, para reabastecer as bactérias benéficas no intestino). Exclua de sua alimentação: leite, queijos, chocolate, banana, alimentos fritos e refinados. Evite açúcar simples.

Suplementos naturais que podem ser utilizados

Extrato de acerola, vitamina C, equinácea, hidraste, enzima bromealina, alcaçuz, folha de hera, vitamina A, verbasco e prata coloidal.

Como referenciar: "Dieta para bronquite" em Só Nutrição. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2019. Consultado em 12/12/2019 às 05:17. Disponível na Internet em http://www.sonutricao.com.br/conteudo/artigos/bronquite/