Você está em Artigos

Cálculos renais

É um problema que tem se tornado cada vez mais comum, devido a hábitos alimentares inadequados.

Sintomas

-Dor de um dos lados da região lombar, na barriga ou bacia;
-Micção frequente;
-Sangue e sedimentos na urina;
-Náusea e vômito;
-Calafrios e febre.

Causas

-Desidratação;
-Obesidade;
-Alergias e sensibilidades alimentares;
-Sedentarismo;
-Deficiência de magnésio e potássio;
-Incapacidade genética de absorver adequadamente o cálcio ou de excretar o ácido oxálico.

Muitas pessoas com cálculos sofrem de desidratação. A ausência de fluidos aumenta a concentração de minerais nos rins e, consequentemente, as chances de cristalização dos cálculos.

Deve-se consumir de dois a três litros de água por dia. Introduza na sua alimentação farelo de aveia e de trigo, pois reduzem o risco de formação dos cálculos. Suco de limão misturado com um pouco de água quente é outro remédio que ajuda a acidificar a urina e facilita a passagem de cálculos de oxalato de cálcio.

O suco de laranja também pode ser utilizado. A vitamina A é muito benéfica para o trato urinário, por isso, consuma diariamente hortaliças amarelas, verdes e cor de laranja.

Aumente o consumo de folhas, algas, feijão, soja, amêndoa e maçã, pois são ricos em magnésio.

Aipo e salsa ajudam a limpar o trato urinário, então, acrescente-os regularmente às refeições. Devem ser evitados alimentos ricos em ácido oxálico, como: espinafre, tomate, couve, beterraba, chocolate, amendoim, amora preta e morango. Sal, cafeína, açúcar e álcool também devem ser evitados.

Como referenciar: "Cálculos renais" em Só Nutrição. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2019. Consultado em 19/07/2019 às 03:04. Disponível na Internet em http://www.sonutricao.com.br/conteudo/artigos/calculosrenais/