Você está em Artigos

Dieta para hipertensão arterial

A alimentação ocidental é uma das responsáveis pela hipertensão. Dietas ricas em gorduras saturadas, hidrogenadas e parcialmente hidrogenadas causam hipertensão arterial e sobrecarregam as artérias e o coração.

Elimine produtos de origem animal, margarina, manteiga, produtos de pastelaria e óleos vegetais refinados.

Hipertensos costumam beneficiar-se com a restrição do consumo de sal. O sal contém sódio, que provoca a retenção de líquidos e eleva a pressão no interior das artérias. Não basta apenas parar de usar o sal de mesa, é preciso evitar também todos os alimentos processados e embutidos, que são repletos de sódio.

A alimentação deve ser rica em fibras (frutas, verduras, cereais integrais, aveia, feijões, nozes e sementes).

A desidratação aumenta o risco de hipertensão; portanto, beba um copo de água a cada duas horas. Aumente o consumo de alimentos ricos em potássio, tais como: banana, tomate, maçã, aspargo, repolho, laranja, couve, algas marinhas e alfafa. A cebola, alho e salsa também ajudam a reduzir a pressão arterial.

Suplementos nutricionais que podem ser utilizados

Cálcio e magnésio, dolomita, coenzima Q10, extrato de alho, óleo de peixe e de linhaça, potássio e vitamina C.

Como referenciar: "Dieta para hipertensão arterial" em Só Nutrição. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2019. Consultado em 17/02/2019 às 11:28. Disponível na Internet em http://www.sonutricao.com.br/conteudo/artigos/hipertensaoarterial/