Você está em Artigos

Importância da vitamina K

A vitamina K está no grupo das vitaminas lipofílicas e hidrofóbicas, sendo conhecida como naftoquinona.

São necessárias para a modificação pós-tradicional de certas proteínas, especialmente necessárias para a coagulação do sangue.

Sua deficiência, então, pode dificultar o estancamento de hemorragias. Em concentração excessiva, a vitamina K pode provocar danos ao organismo, como dispneia (falta de ar),  dores toráxicas em pessoas adultas com distúrbio elevado de vitamina K1 e hiperbilirrubinemia em recém-nascidos, cujas mães em período gestacional passaram por tratamento com base em vitamina K3.

Alguns estudos nos trazem que a vitamina K está diretamente relacionada com o desenvolvimento precoce do esqueleto, regulando a disponibilidade do cálcio na matriz óssea e fazendo manutenção de ossos maduros.

Fontes

Encontramos vitamina K em alimentos como o fígado, vegetais de folhas verdes (espinafre, couve-flor, repolho), leite, tomate, arroz integral, ervilha, óleos vegetais, sementes de soja, chá verde, gema de ovo, aveia, trigo integral, batatas, aspargos, pepinos, manteiga, queijos, carne bovina e suína, presunto, cenouras e milho.

Como referenciar: "Importância da vitamina K" em Só Nutrição. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2019. Consultado em 18/04/2019 às 20:08. Disponível na Internet em http://www.sonutricao.com.br/conteudo/artigos/vitaminak/